02 fevereiro 2009

So long, my English Father

Ainda não era a tua hora. O destino pregou-nos uma partida...
Estou demasiado arrasada para encarar a tua partida.
Agora, quer o meu pai quer o meu "pai inglês" estão já no plano infinito. Duas estrelas que eu espero que se encontrem e recordem os bons momentos. É a estes que estou a tentar remeter-me agora.

22 comentários:

Filoxera disse...

Amigos:
A barra está demasiado pesada para mim, por muitos motivos.
Preciso de um tempo...
Até um dia destes.

Si disse...

Não se pode dizer nada que alivie uma dor assim.
Até breve. Muito em breve, espero.
Beijinhos e um abraço apertado

Vekiki disse...

Filoxera, primeiro quero abraçar-te. Só. Deixar que chores e não te dizer nada. Não há nada para ser dito quando estes momentos vêm e nos agarram de surpresa. Depois quero dizer-te que a escrita nos ajuda muito a libertar tristezas. Não a abandones. Sabes onde estou. Se precisares :)
Beijo

Gi disse...

You may always wish upon 2 stars now!

BlueVelvet disse...

Aqui fica um grande abraço.
Apertadinho.
Até já.

1/4 de Fada disse...

As palavras faltam em momentos destes.
Muitos beijinhos.

Antonio saramago disse...

Os meus pêsamos e muita força..

f@ disse...

Beijinhos das nuvens

Maria disse...

Nunca sei o que dizer nestas situações.
Mas sei dar-te um abraço. Muito apertado...

Beijos

zito disse...

Fioxera:

Descobri este seu cantinho através do PLM por isso perdoe-me a ousadia de estender os meus braços para a reconfortar.....

Força
Zito

Maria, Simplesmente disse...

Olá Filoxera.
Quando um amigo parte é sempre doloroso, mas temos que nos mentalizar que não duramos sempre.
A vida passa e não perdoa nada, só temos de recordar o que deles ficou de bom.
Beijo
Maria

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Um foríssimo abraço. ficaremos à sua espera.

Carminda Pinho disse...

Abraço apertado.

Patti disse...

Deixo-te um beijinho doce, sei o quanto gostavas dele, pela forma como algumas vezes aqui o falaste.
Leva o tempo que necessitares que nós ficamos à tua espera,

Goldfinger disse...

Filoxera

Quando alguém que nos é querido parte, parte um pouco de nós também, mas fica-nos sempre a sua presença que nos acompanha pelo resto da vida.
Estou solidário consigo neste momento complicado e doloroso, ainda mais porque o seu "pai inglês" me tocou particularmente, provavelmente pelo nome que lhe atribuiu.

Abraço


GOLDFINGER

t i a g o . disse...

Um beijinho para ti e para toda a tua família. Muita força neste momento difícil. Se a barra estiver demasiado pesada, eu ajudo-te a segurá-la.

Até breve

Tiago

Peter Pan disse...

Lamento, amiga linda.
Estão lá em cima zelando por si.
Por todos nós.
Com os meus sinceros sentimentos.
Junto a mim a sua dor...

peter pan

Beijinhos

Carla disse...

até um dia destes e que as coisas melhorem rapidamente
beijos

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá, um abraço solidário...

São disse...

Minha linda, imagino o teu sentimento de perda!
Que o teu pai inglês tenha paz e luz!

Para ti , o meu abraço solidário.


E volta assim que puderes, sim?

elvira carvalho disse...

Tudo o que se diga nestas alturas, soa sempre a estranho e não apaga o vazio que se sente. Assim deixo apenas um abraço.

Anónimo disse...

Por mais que se diga, esta é daquelas alturas em que nos faltam as palavras.
Força

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin