17 fevereiro 2009

Por favor..

... não comam as margaridas.
Nem os sorrisos.
Nem os arco-íris.
Nem as estrelas.
Nem os beijos.
Nem as confidências.
Nem as surpresas.
Nem...

11 comentários:

FERNANDA & POEMAS disse...

OLÁ QUERIDA AMIGA, BELA POSTAGEM... GOSTEI MUITO!!!
UM ABRAÇO DE CARINHO,
FERNANDNHA

Vekiki disse...

Oh...não...não vamos comer nada disso! Vamos encher-te com todas essas coisas que não queres que desapareçam:)

f@ disse...

Olá Filox,

Fica tranquila não como... vou só cheirar e saborear com os olhos...
abro excepção para os beijos( vou saborear)...

Beijinhos das nuvens

Maria, Simplesmente disse...

Dum livro de Eurico Veríssimo:

Maninha... como são belas as margaridas...

Creio que se chama: A vida começa amanhã.

Beijos Filoxera, e fique descansada que eu não como... sou muito gulosa... mas margaridas... não.
Bl
Maria

t i a g o . disse...

Não comerei...

... as margaridas.
... os sorrisos.
... os arco-íris.
... as estrelas.
... os beijos.
... as confidências.
... as surpresas.

Patti disse...

Combinado, até porque tudo junto era um bocado indigesto.

elvira carvalho disse...

Juro que não.
Um abraço

Peter Pan disse...

Um maravilhoso instante de lição vida.
Sentimentos profundos de uma significação imensa. Valiosos. Riquíssimos. Lindos.
Adorei com sinceridade e seriedade.
Estes valores jamais se poderão omitir ou apagar de nós.
Beijinhos pelo seu valor de ouro.
Cordialmente e com simpatia
Sempre a admirá-la


Peter pan

Bem-Haja, amiga!

BlueVelvet disse...

Lindo, lindo, lindo.
Fez-me lembrar uma das mais belas canções portuguesas, com letra do Ary dos Santos:
NEM CHOROS, NEM MEDOS, NEM UIVOS, NEM GRITOS,
NEM PEDRAS, NEM FACAS, NEM FOMES, NEM SECAS,
NEM FERAS, NEM FERROS, NEM FARPAS, NEM FARSAS,
NEM FORCAS, NEM CARDOS, NEM DARDOS, NEM GUERRAS
NEM PEDRAS, NEM FACAS, NEM FOMES, NEM SECAS,
NEM FERAS, NEM FERROS, NEM FARPAS, NEM FARSAS
NEM FORCAS, NEM CARDOS, NEM DARDOS, NEM GUERRAS
NEM MAL

Beijinhos

De Amor e de Terra disse...

Curiosamente, fizeste-me lembrar umfilme de Doris Day (já lá vão tantos anos!) em que ela cantava isso, precisamente.
"Please, please don't eat the daisys..."

E que lindas estas, tão amarelinhas.

Bj

Maria Mamede

Oliver Pickwick disse...

Está brincando, garota! Estas coisas são para sentir.
Um beijo!

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin