19 novembro 2011


Olhou para dentro de si, tentando descodificar a indisciplina de emoções que se desenhavam, ver para além do caminho que percorrera até então.
Pressentiu que uma fase da sua vida terminava ali, naquele instante.
Como quando as uvas murcham nas vinhas, uma partitura ganha pó em cima do piano ou a pintura duma casa estala, exibindo as agruras de anos sem reparação.
Há dias assim, cheios de sentidos ocultos, de pressentimentos que nos tomam por completo.
Enterram filosofias de vida, memórias doridas. Fecham feridas por sarar.
São pontos altos de auto-descoberta. Mistérios que se descodificam.
Promessas de tudo, dependentes da cor com que se pintam os sonhos e da mestria que qualquer obra de arte exige ao seu autor.

11 comentários:

Fê-blue bird disse...

Há dias em que tudo muda dentro de nós.
Lindo e intenso texto.

beijinhos

Rogério Pereira disse...

"Pressentiu que uma fase da sua vida terminava ali, naquele instante."
Virar de página?
Um conselho
para um novo dia sereno
com exigências de obra de arte:
Não mandar o passado para Marte
(seremos sempre aquilo que fizemos.
- o que não impede de nos libertarmos..)

Maria disse...

Quando acabamos de ler um lilvro há outro que nos espera.
O desafio é saber folhear cada página como se fosse única...

Beijos.

Nilson Barcelli disse...

De vez em quando é necessário olharmos para dentro de nós...
Gostei do texto, minha amiga querida.
Tem um bom resto de Domingo e boa semana.
Beijos.

BRANCAMAR disse...

Gostei muito deste texto e disse-me tanto. Há dias assim em que sentimos que é o ponto da viragem, nem mais cedo, nem mais tarde, mas como diz o Rogério somos tudo o que construimos e ao libertarmo-nos é bom que fiquem memórias boas, que partamos de paz com a vida, de paz com tudo que nos rodeia e a consciência de termos feito tudo o que tinhamos a fazer.
A partir daí muitos caminhos e sonhos se podem desbravar, mas nunca esqueço que há tantos seres neste mundo que não se podem dar ao luxo de sonhar e a minha alma balança sempre entre os meus sonhos e os sonhos deles por realizar, talvez porque o meu maior sonho é ver os outros felizes.

Deixo-te beijos e muitos sonhos para sonhar.

Beijos
Branca

Fernando Santos (Chana) disse...

Excelente texto....
Cumprimentos

Luis Eme disse...

sinais de mudança, sinais de esperança...

beijinho Filoxera

albana disse...

tocou-me de uma forma muito pessoal...

bjinho

São disse...

São os chamados momento-chave...

Fica bem com as tuas crianças.

elvira carvalho disse...

"De vez em quando é necessário olhar para dentro de nós" Eu diria que absolutamente necessário para a nossa sobrevivência.
Um abraço

Braulio Pereira disse...

gostei

adoro as palavras

faz-me sonhar


beijo!!

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin