16 julho 2009


Numa escala de um a dez, diz-me quanto gostas de mim.
Espera; não te apresses. Vê o meu lado lunar, repara nos meus senãos.
Na ansiedade de que sou feita, na dispersão de atenções, no frenesim, na tendência para corrigir os erros de português seja de quem for. Nota que não rodeio as chamadas de atenção, não engulo injustiça nem deixo de me bater pelo que acho que mereço.
Depois, repara que cada vez estes aspectos se acentuam mais. É a idade…
Já não ando em voltas, vou directa, corto a direito. É assim e “mai nada”.
Mas também sou mulher para dar tudo. Entregar-me de alma e coração. Para isso, basta acreditar. Mimo cada dia cada pessoa que me é querida, sou amiga para respeitar o espaço de cada um sem me impor, mas nunca fico que tempos sem dar notícias, é ou não é? Combino, converso, apareço, telefono, mando email ou sms, escrevo ocasionalmente, faço por não falhar.
Repito com frequência “gosto de ti”, “adoro-te”. “Amo-te”. Não tenho medo de usar as palavras, tal como não receio pôr em prática os gestos relacionados com o amor. As várias formas de amor, da qual, como sabes, a amizade é a mais sublime, e o amor pelos filhos a mais inquestionável.
Posso não ter nada, mas não abdico daquilo a que tenho direito. Nem privo aqueles que amo do que há de melhor: o retorno da expressão do sentimento.
Por isso, pensa bem, porque volto a perguntar-te: de um a dez, quanto gostas de mim?

11 comentários:

Pedro Branco disse...

Há coisas que não se quantificam, certo?

Maria disse...

No meu tempo as notas eram de 0 a 20. Mas isso já foi há muito tempo...
Não sei quantificar (em escala nenhuma) o quanto gosto das pessoas. Gosto. Ponto final. Ou não gosto. Parágrafo.
Mas sei quantificar o quanto gosto de crianças, e digo TUDO. E dos meus amigos, e digo TANTO.

:))

Beijinho

Carminda Pinho disse...

Obtiveste resposta?

Eu gosto de ti, muito.:)))
Beijos, amiga.

Pipinha disse...

Querida amiga,
Adorei o que aqui escreveste! Eu também sou assim, não tenho problemas em expressar o que sinto e quando tenho algo que me incomoda, falo logo para não ficar a remoer as dúvidas e os problemas.
Mimo as pessoas que gosto e adoro também demonstrar de várias formas o meu carinho.
Ninguém é perfeito, todos nós temos o nosso lado lunar e quem gostar de nós verdadeiramente, aceita esse lado e gosta de nós exactamente como somos, com as nossas qualidades e defeitos.
De um a dez, eu digo: 10. Gosto muito de ti!
Força e nunca percas a alegria de saborear as coisas boas que tens na vida!
Beijinhos carinhosos e abraço meiguinho.

Vekiki disse...

Bom Dia :-)
Gosto muito de ti! E isso chega. Nem toda a gente consegue dizer o quanto gosta das pessoas com que se cruza. Eu digo, sem problemas!
A minha inspiração continua baixa...muito baixa...
Quanto às sugestões no final do post, clica com o botão dtº do rato nas minhas e vais ter ao link da aplicação para poderes inscrever o teu blogue!
Beijos

Gi disse...

Gosto 10 daquilo que leio no teu blogue. Gosto nota 10 da blogger. Não te conheço como pessoa, pelo que só posso dizer-te isto.

São disse...

Não sei que resposta te deram, mas posso dizer-te que estás alta na minha escala.

Um bom fim de semana.

O Senhor. disse...

Amor é: Não caminhes atrás de mim que posso esquecer-me de ti, não caminhes à minha frente que posso não conseguir acompanhar-te, não caminhes por cima de mim que posso cansar-me, não caminhes por baixo de mim que posso magoar-te. Caminha simplesmente a meu lado, porque somos iguais.
Quantificar o Amor, o Sentimento seja ele qual for, é transformar a descoberta de sentir em obrigação de possuir. Somos iguais, caminhemos lado a lado.
Beijo. O texto é bom, parabéns.
Carlos

elvira carvalho disse...

E há escalas para medir sentimentos?
Não conheço. Eu gosto de si apesar de nunca a ter visto. Também nunca vi Jesus e adoro-O.
Um abraço e bom fim de semana

Oliver Pickwick disse...

Bonito e sincero "auto-retrato". Forneceu uma escala muito reduzida. Aconselho-a ampliá-la, sugiro de um a mil.
Um beijo!

jo ra tone disse...

Gosta-se de alguém sem qualquer medida.
Conhecidos, desconhecidos...
Basta sentir amizade por todo o mundo que nos rodeia.
Beijo

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin