11 abril 2008

Já temos o nosso símbolo da Primavera!

Tínhamos acabado de chegar a casa, a meio da tarde. A Mafalda adormecera no carro.
O Vasco, do alto dos seus cinco anos, pedia-me que jogasse com ele ao Monopólio. (Reconheço no jogo um carácter materialista, mas eu também adorava jogá-lo; além disso, faz com que comece a aperceber-se do valor relativo dos números).
Respondi-lhe que sim, jogaria com ele, mas apresentei-lhe outro entretenimento, prioritário e estimulante:
- E se fôssemos semear girassóis, primeiro?
- Posso ser eu? (voz ligeiramente elevada, denunciando o entusiasmo que eu antevira, e olhos de riso brilhante).
- Claro! Pegas nesta pá, vais pondo terra no vaso e, quando estiver quase cheio, deitamos as sementes.
- E quando é que elas nascem? (aos cinco anos, tem de ser tudo para já...)
- Deixa ver... Aqui na embalagem diz que é daqui a três ou cinco dias. Mas não sei se será; a mãe guardou-as demasiado tempo. Além disso, não sei se é neste mês a época certa para semeá-los ou se isso já devia ter sido feito. Vamos ter de ter paciência e esperar para ver.
Passaram 3 dias. 5 dias. Vários.
E nada de girassóis...
Até que, esta manhã, doze dias após a cena, deparo com um rebento no vaso.
À tarde, descubro o segundo. Eureka!
A Natureza pode não saber fazer contas aos dias.
Eu posso não saber se as sementes estão velhas e se esta é a época indicada para as colocar na terra.
Mas a Primavera já nos presenteou. Agora, é só cuidarmos bem do nosso símbolo primaveril e ir apreciando os seus progressos.

9 comentários:

Maria, Simplesmente disse...

Obrigada, filoxera, temos tudo à mão é só trabalhar.
Gostei do seu simbolo da Primavera, mas será que estamos nela?...
Em duas ou três semanas já nos deliciamos com quatro estações e não são nada de Vivaldi...
Tenho que ser interactiva para não carregar demais só um, pois agora não posso tirar fotos em baixa definição por causa do "Olhares".
Beijinhos
D
Maria

Carminda Pinho disse...

Quando era miúda, na escola, aprendi a semear feijões...e era divertidíssimo...
Todas as crianças gostam de tratar e cuidar da natureza se, a isso forem habituados... darão homens e mulheres, assim, como tu...
Os Girassóis pelo que eu sei não demoram muito a crescer, depois, só precisam de sol, para girarem...

Beijinhos

Pena disse...

Linda Amiga:
O amor e a ternura como semeia girassóis da natureza é o amor que coloca e transmite às pessoas no quotidiano da vida.
Gostei imenso.
Olhe, beijinhos amigos. Imensos!
E, continue a sua maravilha e terna atitude.
Sem mais, pelo encanto.
Com respeito e gigante estima

pena

comecardenovo disse...

que bom! a natureza brinda-nos sempre com coisas tão simples e encantadoras...
bom fim de semana.

tulipa disse...

OLÁ AMIGA

Venha colher uma tulipa do meu campo em flor. Conheça o meu novo espaço.

Tem a certeza que não sabe quem sou?...Huuuummmmmm, não acredito.

PARABÉNS pela sua excelente escrita!!!

Beijinhos.
Bom fim de semana.

jo ra tone disse...

Fenómeno extraordinário
A semente morre para dar vida

O girassol é mesmo uma flôr?

Quem me sabe responder!

Blue Velvet disse...

Que maravilha.
O teu ânimo até consegue que os girassóis nasçam.
E que a Primavera dê um sinal.
Só tu.
beijinhos e veludinhos, amiga

Oliver Pickwick disse...

E o pequeno Vasco, não reclamou do prazo? Sabe como são as crianças.
Um beijo!

Maria Jose disse...

Adoro girassóis !
E adoro a Primavera !
Eu tambèm andei a plantar flores nas minhas floreiras...

Um beijinho pra vocês

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin