06 setembro 2007

A Voz

A Voz descansa. Permanentemente.
Deixa saudades. Pelo timbre, pelo sorriso, tão belo quanto os seus dotes vocais, aberto a causas, à beleza da vida, às crianças.
Permeável a tudo o que de bom se pode retirar desta breve passagem, argumentava que "O Mundo é assim mesmo. Estar vivo já é mais que suficiente."
Filho de um padeiro e de uma operária, consegue atingir o estatuto de tenor com maior projecção de sempre.
Bono Vox definiu-o como "um dos lutadores mais sentimentais que o mundo já viu". É deste tipo de lutadores que o planeta precisa.
Ouvi-lo era (e continuará a ser) arrepiante, comovente. Enlevada, inebriada pelo seu canto, que acompanha as notícias da sua partida para o plano eterno, sei que A Voz não morrreu. Porque é imortal, tal como o são aqueles que amamos ou admiramos. Partiram para o plano infinito, não partiram dos nossos corações.
Quem sabe se lá, nesse plano, onde eu espero que haja harmonia e amizade e todos se conheçam e respeitem, ele não poderá encantar aqueles que vibravam com o seu bel canto e lá se encarregarão de acolhê-lo com carinho?
Sei que é utópico, mas quando haveremos de sê-lo, se não quando sofremos?

(o epíteto A Voz, aplicado a Sinatra, não estaria mal aplicado, mas não estarei a imputá-lo em vão a Pavarotti, certamente...).

4 comentários:

De Amor e de Terra disse...

Concordo plenamente Amiga!
Também a mim sempre me comove ouvi-lo; e tenho a certeza que será bem recebido nessa Mansão onde todos somos iguais e acabaremos por ser um só no Infinito!

Beijos comovidos da
Maria Mamede

Sophiamar disse...

Calou-se o Grande Luciano. Para sempre? Não! Aqueles que o amaram e amam jamais deixarão de ouvir o maior cantor lírico do século XX. Tão grande quanto a sua voz, tão grande quanto o seu coração. Estará certamente noutra dimensão a encantar muitos milhões de almas se é que existimos assim no além.
Para o grande tenor de Modena que eu tive o prazer de ouvir e ver em Faro, deixo a minha eterna saudade.
Para ti, amiga, deixo o meu reconhecimento. Vir aqui é um prazer e uma necessidade.
Beijinhos

Barão Van Blogh disse...

Sou novo nestas lides ...

Aqui deixo o convite para que visitem o meu espaço .

"Ao lado de fortes cavaleiros eu seguia
Terras de mil cores nós ia-mos conquistar"

Bom fim de semana .

a.filoxera disse...

Obrigada pelas vossas palavras.
"Vir aqui é um prazer e uma necessidade"- que bom ler isto!... Se soubesse, tinha vindo ao computador mais cedo...
Beijos.

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin